Publicidade


Notícias


Pesquise


Laguna, terra natal da heroína Anita Garibaldi, completa 345 anos de história nesta quinta-feira Cultura

Laguna, terra natal da heroína Anita Garibaldi, completa 345 anos de história nesta quinta-feira

por Redação 29-07-2021 há 2 mêses 2060

  • Tweet

Publicidade

Não tem como ser mediano ao descrever Laguna. A terceira cidade mais antiga de Santa Catarina pode ser considerada única e privilegiada. As surpresas e singularidades da Terra de Anita Garibaldi vão desde botos pescadores, passando por patrimônio histórico-cultural tombado, 20 praias até a presença de baleias franca no inverno.

Nesta quinta (29), o município completa 345 anos de muita história. Atualmente, possui 46 mil habitantes e é destino de muitos turistas e segundo lar de tantos outros veranistas. 

Contornada por lagoas e cerca de 45 quilômetros de praias, possui o título de Capital Nacional dos Botos Pescadores, por concentrar uma população residente de aproximadamente 50 botos, que vivem na lagoa Santo Antônio dos Anjos e realizam o espetáculo natural da pesca com auxílio dos botos.


Ainda é a cidade natal da Heroína de Dois Mundos, Anita Garibaldi, além de ostentar um conjunto com mais de 600 prédios e casarios históricos tombados. Rica em diversidade e cultura, tem inúmeros pontos turísticos com cenários arrasadores, como o Farol de Santa Marta.


De acordo com o secretário de Turismo, José de Mello Júnior, Laguna encanta a todos pelas suas belezas naturais únicas no mundo, festas tradicionais e culturais, além do patrimônio histórico. “É uma cidade mágica e reúne as mais diversas categorias de turismo”, destaca o secretário.

O pôr do sol na lagoa Santo Antônio dos Anjos agora tem a companhia de um grande letreiro que forma o nome da cidade. Do alto do Morro da Glória, a vista é ainda mais contemplativa.

Durante o inverno ainda é possível avistar as gigantes baleias franca, acompanhadas de seus filhotes. Laguna integra o trio de cidades, com Imbituba e Garopaba, que forma a Rota da Baleia Franca.

 

As delícias gastronômicas

Os frutos do mar, entre eles o famoso “camarão Laguna”, de sabor único, a tainha e o siri atraem muitos visitantes em busca dos sabores típicos e tradicionais. Acompanhamentos mais que especiais para essas belezas naturais. São mais de quatro mil pescadores artesanais que sobrevivem da rica diversidade pesqueira do município, nas suas extensas e variadas lagoas.

Foto: Elvis Palma/Portal Agora Laguna

 

Dados históricos

Fundada em 29 de julho de 1676, o nome da cidade teve sua origem na lagoa ligada ao mar, denominada na geografia de laguna.

Seus primeiros habitantes foram os povos dos sambaquis, que viviam da pesca em regiões de lagoas e mar. Depois vieram os índios, os portugueses, negros, italianos, alemães e outros. Cada etnia deixou sua marca na arquitetura, gastronomia e história.

Em 1839, foi palco da Revolução Juliana, que transformou a história de Laguna, onde a lagunense Anita de Jesus Ribeiro conheceu Giuseppe Garibaldi e levou o nome da cidade para todo o mundo.

Fonte: Portal Sul Agora 

Foto de Capa: Elvis Palma/Portal Agora Laguna

    Palavras-chave
  • Laguna
  • aniversário
  • cidade
  • República
  • Juliana
  • Anita
  • Garibaldi
  • Tweet

As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 9 9115.3099
Inbox no Facebook

portalahora@gmail.com

Localização

Imbituba - SC Brasil