Publicidade


Notícias


Pesquise


Segurança

"Gêmeo do Mal": Ex-prefeito de Imaruí e ex-secretários são presos em Operação, acusados de integrarem organização que fraudava licitações

por Administrador 14-04-2021 há 1 mês 2742

  • Tweet

Publicidade

A Polícia Civil por intermédio da 2ª DECOR - Delegacia Especializada no Combate à Corrupção -, em investigação conjunta com a Delegacia de Imaruí, deflagrou na manhã desta quarta-feira (14) mais uma fase da operação Gêmeo do Mal, que apura crimes contra o Patrimônio Público no município de Imaruí.

Nesta terceira fase da Operação, os agentes cumpriram dois mandados de busca e apreensão em imóveis situados nas cidades de Laguna e Imaruí, e três mandados de prisão, contra o ex-prefeito Rui José Candemil Júnior e em desfavor de dois ex-secretários municipais, um deles uma mulher. 

Segundo a Polícia Civil, os crimes teriam sido cometidos entre  2017 e 2020, período que o município esteve sob gestão do então prefeito filiado ao partido PSD. A reportagem não conseguiu contato com a defesa do ex-prefeito e dos ex-secretários.

Nos imóveis, foram apreendidos documentos e aparelhos eletrônicos. Durante esta quarta-feira, os presos serão interrogados e depois encaminhados à UPA (Unidade Prisional Avançada) de Laguna e presídio feminino de Tubarão.



De acordo com as investigações, os presos são suspeitos de fazer parte de uma organização criminosa que desviava recursos do município através do superfaturamento em serviços e obras, além de fraude em licitações. Em três anos, segundo a polícia, o grupo desviou mais de R$ 3 milhões. O inquérito deve ser concluído nos próximos dias, segundo informações repassadas pela Polícia Civil.

A Operação Gêmeo do Mal, foi iniciada há cerca de nove meses, sendo que as duas primeiras fases foram deflagradas em novembro de 2020 e março deste ano, respectivamente. O nome da operação – “Gêmeo do Mal” – faz referência ao nome fantasia da empresa investigada, que é do ramo da construção civil..


Em suas três fases, a Operação contabilizou sete pessoas presas, oito mandados de busca e apreensão cumpridos e quatro afastamentos de servidores públicos do município, além de várias outras medidas cautelares, envolvendo cerca de 15 policiais civis da 2ª Decor e da DIC de Laguna. 

    Palavras-chave
  • Imaruí
  • Operação
  • Gêmeo de Mal
  • Ministério Público
  • empresário
  • prisão
  • Polícia Civil
  • corrupção
  • fraudes
  • licitações
  • peculato
  • organização criminosa
  • Rui José Candemil
  • prefeito
  • Tweet

As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 9 9115.3099
Inbox no Facebook

portalahora@gmail.com

Localização

Imbituba - SC Brasil