Publicidade


Notícias


Pesquise


Caso Andreia Ruon: Foragido desde 2018, acusado de matar esposa em pousada de Garopaba é preso em SP após investigações da Polícia Civil Segurança

Caso Andreia Ruon: Foragido desde 2018, acusado de matar esposa em pousada de Garopaba é preso em SP após investigações da Polícia Civil

por Administrador 02-07-2020 há 1 mês 1465

  • Tweet

Publicidade

Após uma longa e minuciosa investigação da Polícia Civil de Garopaba, policiais civis do Estado de São Paulo prenderam, Reginaldo Anselmo Garcia, de 49 anos, que estava foragido desde 2018, quando teve prisão preventiva expedida acusado de cometer feminicídio ao assassinar a própria companheira, de 44 anos.

Natural de Guaramirim, Andreia Ruon foi encontrada morta, deitada na cama com um cadarço no pescoço, sinais de violência física e um travesseiro na face, apresentando sinais de esganadura, no interior de uma pousada do Bairro Ferraz. 

Reginaldo foi detido por agentes da Divisão de Investigação sobre Entorpecentes (Dise), na noite desta quarta-feira (1º), em uma residência de Santo André, no ABC Paulista. Segundo a Polícia Civil de Garopaba, desde o crime, no dia 16 de dezembro de 2018, Reginaldo passou por diversos Estados como Mato Grosso e Bahia e, por último, estava homiziado no estado de São Paulo, onde foi preso por volta das 19h30. 

O preso deverá ser recambiado nos próximos dias para Santa Catarina para responder pelo crime de Homicídio qualificado pelo Feminicídio cometido contra a vítima. Após a localização do corpo de Andreia, desde o princípio os elementos de provas e circunstâncias apontavam para o companheiro da vítima, sobre o qual já pesavam ocorrências anteriores de violência doméstica e passagens por outros crimes, além de prisão em flagrante em outros municípios do Estado por crimes contra mulheres. 

De acordo com o boletim de ocorrência registrado na época, o acusado foi visto por funcionários saindo do estabelecimento no fim da noite anterior. Reginaldo e a vítima tinham um relacionamento há dez anos e possuíam diversos boletins de ocorrência de violência doméstica, lesão corporal e ameaça.

A prisão do suposto autor se tornou possível após longa investigação da equipe de policiais civis da Delegacia de Garopaba, os quais contaram com o auxílio incondicional da Polícia Civil do Estado de São Paulo representados pela Delegacia Seccional De Guarulhos/SP e, por último pela DISE de Santo André/SP, a qual deu efetivo cumprimento ao mandado de Prisão em desfavor do foragido.

    Palavras-chave
  • Garopaba
  • feminicídio
  • Andreia Ruon
  • Reginaldo Anselmo Garcia
  • Guaramirim
  • casal
  • esganadura
  • cadarço
  • pousada
  • preso
  • detido
  • foragido
  • São Paulo
  • Polícia Civil
  • investigação
  • Tweet

As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 9 9115.3099
Inbox no Facebook

portalahora@gmail.com

Localização

Imbituba - SC Brasil