Publicidade


Notícias


Pesquise


Homicida: foragido há 9 meses, homem que alvejou casal em Imaruí após conflito por terreno é preso no Paraguai, em ação conjunta policial Segurança

Homicida: foragido há 9 meses, homem que alvejou casal em Imaruí após conflito por terreno é preso no Paraguai, em ação conjunta policial

por Administrador 16-01-2020 há 8 mêses 3769

  • Tweet

Publicidade

Uma ação conjunta das forças de segurança do Brasil, incluindo a Polícia Civil de Imaruí, GAECO/MPSC e a Polícia Nacional do Paraguai, resultou na prisão, no Paraguai, de um homem, foragido da Justiça há nove meses no país vizinho, acusado de homicídio e uma tentativa de homicídio. 

O detido, de iniciais E.N.V.N., de 31 anos, é apontado como autor dos disparos contra um homem e uma mulher, no corredor da residência do casal, na praia do Lessa, em Imaruí, em março de 2019, após desentendimentos sobre a compra de um terreno por parte de um dos agressores. 

Já o comparsa, J.S.S., de 32 anos, foi capturado pela Civil e pela PM três meses depois do crime, em uma casa no bairro Arroio, região Norte de Imbituba. 

O homem alvejado, de 60 anos, morreu uma semana depois. Já a mulher, de 54, sobreviveu ao atentado. A esposa ficou internada ao lado do marido na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital Nossa Senhora da Conceição e com a melhora de seu estado clínico saiu da UTI e iniciou um longo período de recuperação.

O Centro Integrado de Operações de Fronteira da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (CIOF/SEOPI/MJSP), com sede em Foz do Iguaçu (PR) recebeu informações da Delegacia de Imaruí e do GAECO de São Miguel do Oeste de que o criminoso estaria escondido em Ciudad del Este, no Paraguai, com a localização exata da casa em que ele estava.  Com isso, o CIOF/SEOPI/MJSP acionou a Polícia Nacional do Paraguai, através do seu Departamento de Investigação de Alto Paraná.

Equipes envolvidas na operação policial que capturou, in loco, o foragido no Paraguai

Durante dez dias houve intensa troca de informações entre as polícias visando a localização do foragido. E no final da tarde de quarta-feira (15), o homem foi localizado e preso em uma casa na cidade paraguaia. Depois do procedimento de expulsão realizada pelo Paraguai, o homem foi entregue na Ponte Internacional da Amizade às equipes do CIOF, Força Nacional e Polícia Civil do Paraná. 

A Polícia Civil de SC, por meio da Delegacia de Imaruí, já deu início às tratativas para transferência do preso para o território catarinense. De acordo com as apurações, poucos dias após os crimes praticados em Imaruí, o autor dos disparos deslocou-se para o Paraguai, tendo alugado uma casa de dois pisos no Km 4. Desde então, o investigado locava quartos para dezenas de brasileiros oriundos de diferentes Estados e que cursam a faculdade de medicina no país vizinho.


Integração foi essencial para o sucesso da operação

Segundo o delegado regional de Laguna, Raphael Giordani, a integração entre as diversas instituições de segurança foi fundamental para a prisão do foragido. 

“A atuação do delegado da Polícia Civil catarinense no caso, Adriano Bini, atualmente integrante do Centro Integrado de Operações de Fronteira, em Foz do Iguaçu, foi fundamental, bem como do Dr. Rampinelli, coordenador da investigação, e toda dedicada equipe de policiais da DPCo de Imaruí que subsidiaram a Polícia Nacional do Paraguai para o êxito na Operação”, destacou Giordani. 


POLICIAIS CIVIS PRENDEM CONDENADO NO INTERIOR DE IMARUÍ   

Na tarde desta quarta-feira (15), a Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por intermédio da Delegacia da Comarca de Imaruí, após várias diligências investigativas, deu cumprimento ao mandado de Prisão Condenatória em desfavor de um autor do crime de furto qualificado, consequência de uma Sentença Penal Condenatória definitiva. O condenado foi encontrado no bairro Aratingaúba, área rural da comarca de Imaruí e, após as formalidades legais, foi conduzido à Unidade Prisional Avançada de Laguna. 

    Palavras-chave
  • Imaruí
  • Paraguai
  • homicídio
  • preso
  • foragido
  • casal
  • praia
  • Lessa
  • terreno
  • compra
  • imóvel
  • desentendimento
  • Ciudad del Este
  • Polícia Civil
  • delegado
  • Raphael Rampinelli
  • Giordani
  • Tweet

As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 9 9115.3099
Inbox no Facebook

portalahora@gmail.com

Localização

Imbituba - SC Brasil