Publicidade


Notícias


Pesquise


Devolução: Saiba de quanto será o desconto que Celesc e Cerpalo serão obrigadas a conceder na sua conta de energia em abril Geral

Devolução: Saiba de quanto será o desconto que Celesc e Cerpalo serão obrigadas a conceder na sua conta de energia em abril

por Redação 29-03-2017 há 1 ano 300

  • Tweet

Publicidade

A conta de energia de consumidores de todo o país vai cair até 20% em abril por causa da devolução de uma cobrança indevida de energia atrelada à usina nuclear de Angra 3. A decisão anunciada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) atinge a maioria das distribuidoras de energia, com exceção de Sulgipe, Companhia Energética de Roraima e Boa Vista Energia. Em nossa região, a Celesc terá que reduzir o preço em abril em -8,51%. Já o desconto por parte da Cerpalo será de -2,08%.

No caso dos clientes da Eletropaulo, a redução será de 12,44%. No caso da Light, do Rio de Janeiro, a queda será de 5,3%. A Cemig, de Minas Gerais, vai aplicar um desconto de 10,61%. A CEB, de Brasília, terá redução de 5,92%.

A queda varia entre cada uma das distribuidoras por conta dos diferentes prazos de cobrança da energia de Angra 3. No caso da Eletropaulo, por exemplo, o valor foi cobrado indevidamente por nove meses.

A usina termonuclear está em construção no Rio de Janeiro e só deve ficar pronta a partir de 2019, mas acabou entrando irregularmente nas cobranças de conta de luz. Os valores que serão devolvidos chegam a cerca de R$ 1 bilhão e foram devidamente corrigidos pela taxa Selic dos períodos cobrados.

Veja a tabela de redução em abril para nossas duas distribuidoras:

CERPALO:-2,08%
CELESC:-8,51%

Descontos vão até 20%

Pela decisão, a conta cobrada por sete distribuidoras do país vai cair de 15% a 20%. São elas: Celpe, Coelba, Cosern, CPFL Jaguari, CPFL Paulista, Energisa Borborema e Energisa Sergipe. Outras 22 empresas apresentarão queda de 10% a 15%. Para 29 distribuidoras, a redução será de 5% a 10%. As demais 32 distribuidoras apresentarão um corte entre 0% e 5%. A decisão atinge 44 concessionárias e 20 permissionárias, todas elas distribuidoras de energia.

A diretoria da Aneel já havia determinado, em dezembro de 2015, que a tarifa de energia relacionada a Angra 3 não devia entrar na conta de luz, porque a usina – previsto para operar em 2016 – não ficaria pronta no prazo. Por um erro interno da agência, porém, a cobrança acabou sendo incluída na conta.


    Palavras-chave
  • celesc
  • cerpalo
  • Tweet

Últimas Notícias


As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 99115.3012
48 99998.8885
Inbox no Facebook

contato@portalahora.com.br

Localização

Imbituba - SC Brasil